Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/1311
Título: Avaliação da degradação do solo em parques de criação semi-intensiva de suínos aos ar livre das raças Alenteja e Bísara
Autor: Coutinho, J.
Rodrigues, A.M.
Schnabel, S.
Palavras-chave: Degradação do solo
Erosão do solo
Raça Porco Alentejano
Raça Porco Bísaro
Projecto Agro 254
Produção suínos
Data: 2009
Editora: APEZ
Citação: Coutinho, J.; Rodrigues, A.M.; Schnabel, S. (2009) - Avaliação da degradação do solo em parques de criação semi-intensiva de suínos ao ar livre das raças Alentejana e Bísara. Actas do XVIII Congresso de Zootecnia - ZOOTEC2009, UTAD-VilaReal, 607-610.
Resumo: Neste trabalho avalia-se a degradação do solo em parques de criação ao ar livre de porcos das raças autóctones Alentejana e Bísara numa unidade de experimentação na Quinta da Senhora de Mércules, Escola Superior Agrária de Castelo Branco, no período de 2004 a 2007. A degradação do solo é avaliada qualitativamente por um conjunto de sinais de degradação do solo. A erosão do solo é avaliada quantitativamente pelo método das raízes expostas das árvores ou montículos e por pontos indicadores em que é possível medir a erosão, relativamente a pontos de referência. Verifica-se em todos os parques uma degradação do solo alta a muito alta, com maior incidência nos parques da raça Alentejana. A taxa anual de erosão do solo estimou-se em 5,9cm, durante o período de três anos em que decorreu a experimentação.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/1311
Aparece nas colecções:ESACB - Comunicações em encontros científicos e técnicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
zootec09.pdf106,99 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.