Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/1746
Título: EUMOF : tipologias de contos interculturais
Autor: Morgado, Margarida
Palavras-chave: Conto tradicional
EUMOF
Interculturalidade
Multiculturalidade
Data: Nov-2012
Editora: Instituto Politécnico de Castelo Branco
Citação: MORGADO, Margarida (2012) – EUMOF : Tipologias de Contos Interculturais. In Simpósio EUMOF, Castelo Branco, 16-17 de Novembro - Textos, Imagens e Contos sobre Mobilidade. Investigação e Práticas em Educação Intercultural : atas. Castelo Branco : SEUMOF. p. 37-45.
Resumo: O presente artigo aborda perspectivas pedagógicas de classificação dos contos tradicionais compilados pelo projeto EUMOF (European Mobility Folktales) em função da sua relação com a multiculturalidade, com a educação intercultural e com o tema da mobilidade. As propostas de classificação e arrumação dos contos tradicionais dialogam critica e reflexivamente com propostas de outros autores como Mingshui Cai em Multicultural Literature for Children and Young Adults: Reflections on critical issues (2002) e de Mingshui Cai e Sims Bishop em “Multicultural literature for children. Towards a clarification of the concept”(1997). Simultaneamente, o diálogo abre-se também com dois textos académicos, o de Paul Scheffer, Immigrant Nations (2011) e o de Zygmunt Bauman, Culture in a Liquid Modern World (2011). Os contos tradicionais EUMOF são multi-e interculturais no sentido em que, no seu conjunto, pressupõem um espaço europeu multicultural, representam formas de interacção entre culturas e porque, no seu conjunto, descrevem realidades de ‘outras’ culturas, ou seja, por exemplo, tornam culturas, como a cipriota e a grega, acessíveis aos leitores, professores e alunos lusófonos, anglófonos, polacos, alemães. É em função do conceito de distribuição geográfica, central na constituição da coletânea de contos EUMOF, que aproveitando as categorias propostas por Cai e Bishop (1997) poderíamos organizar os contos reunidos na coletânea em textos do mundo (world texts), textos transculturais (crosscultural texts) e textos paralelos (parallel texts) de modo a clarificar como eles servem o propósito de promoção da educação intercultural. Das múltiplas perspetivas com que olhamos para a coletânea, sendo a partir das categorias definidas por Cai e Bishops, sendo a partir de um contínuo que vai da ênfase no multicultural à ênfase no intercultural, ou sendo a partir de como os contos abordam um tema caro à multiculturalidade, como é o da mobilidade, o que se pretende demonstrar são as possibilidades que os contos tradicionais EUMOF oferecem (aos leitores e educadores) de abrir novas perspetivas e pontos de vista culturais sobre a realidade ou o fato de poderem alertar para questões de distribuição desigual de poder, discriminações sexistas e raciais por comparação de realidades distintas representadas, ou tensões e conflitos que se geram quando indivíduos duas ou mais culturas entram em contato.
Descrição: The content of this project does not necessarily reflect the position of the European Community, nor does it involve any responsibility on the part of the European Community.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/1746
ISBN: 978-989-8196-25-5
Aparece nas colecções:ESECB - Comunicações em encontros científicos e técnicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ATAS_Margarida_Morgado.pdf670,48 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.