Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2028
Título: Aprender em espaços não formais no 1º ciclo do ensino básico : do estudo do solo ao cultivo de plantas no horto de Amato Lusitano
Autor: Rodrigues, Clara Patrícia Santos
Orientador: Paixão, Maria de Fátima Carmona Simões da
Jorge, Fátima Regina Duarte Gouveia Fernandes
Palavras-chave: Educação pré-escolar
Primeiro Ciclo do Ensino Básico
Educação em ciências
Interação de contextos formais e não formais de educação
Horto de Amato Lusitano
Preschool education
The first cycle of basic education
Science education
Interaction of formal and non-formal contexts of education
Horto de Amato Lusitano
Data de Defesa: 4-Set-2013
Resumo: O presente relatório resulta das práticas educativas desenvolvidas em Prática Supervisionada em Educação Pré-Escolar e no Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico. A Prática em Educação Pré-Escolar foi desenvolvida com um grupo de crianças da Associação Jardim de Infância Dr. Alfredo Mota, com idades compreendidas entre os 3/4 anos, enquanto a Prática do Ensino no 1º Ciclo do Ensino Básico foi desenvolvida com uma turma de 2º ano de escolaridade do 1º Ciclo do Ensino Básico, da Escola Afonso de Paiva. Deste modo, a primeira parte do relatório, apresenta as fases de desenvolvimento da Prática em Educação Pré-Escolar e no Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico (organização da Prática, observação, desenvolvimento de prática individual e de grupo, reflexão sobre a prática). Tendo presente o contexto da prática, este relatório dará mais ênfase ao Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico, dado que a nossa investigação se desenvolveu neste contexto. Partindo da prática e tendo em conta a relevância dos espaços não formais, pretendemos verificar de que modo estes, promovem as aprendizagens curriculares. Assim sendo, a problemática do estudo centra-se no contributo dos espaços não formais para as aprendizagens, mais concretamente do Horto de Amato Lusitano, no espaço envolvente à Escola Superior de Educação. Definiram-se os seguintes objetivos: (i) Compreender as potencialidades do Horto Amato Lusitano para o ensino da Ciências no 1º ciclo do ensino básico; (ii) Planear, implementar e avaliar em que medida as atividades realizadas no Horto Amato Lusitano facilitam as aprendizagens dos alunos. O enquadramento teórico encontra-se sub-dividido em “Ensino das Ciências” Contextos de Educação formal/não formal”, “Horto de Amato Lusitano”, “Ensino e aprendizagem em espaços não formais”. Relativamente às opções metodológicas, estas assumem características ajustadas aos estudos qualitativos, num formato de investigação–ação. As técnicas de recolha de dados adotados foram: observação, notas de campo, produções escritas dos alunos (documentos de registo de atividades, desenhos e textos), registo fotográfico e entrevista semiestruturada. De modo a validar os resultados, recorremos à triangulação metodológica. Esta investigação permitiu apreciar o significativo contributo das atividades prático/experimentais decorrentes no Horto de Amato Lusitano, relativamente à promoção de aprendizagens de Ciências no 1º Ciclo do Ensino Básico, podendo concluir da pertinência da utilização dos espaços não formais para práticas educativas ativas e motivadores.
This report is the result of educational practices developed in supervised practice in Pre-school Education and in the teaching of the first cycle of basic education. The practice in Pre-school Education has been developed with a group of children from the kindergarten Association Dr. Alfredo da Mota, aged 3 and 4 years, while the practice of Teaching in the first Cycle of basic education has been developed with a class of 2nd year of schooling of the first cycle of basic education, school Afonso de Paiva. In this way, the first part of the report presents the stages of development of Pre-school education Practice and teaching of the first cycle of basic education (organization of Practice, observation, individual and group practice, reflection on practice). Bearing in mind the context of practice, this report will give more emphasis to the education of the first cycle of basic education, given that our research has developed in this context. Starting from practice and having regard to the importance of nonformal spaces, we want to check how these, promote learning. Therefore, the problem of study focuses on the contribution of non-formal spaces for learning, more specifically of the garden of Amato Lusitano in the surrounding space to the school of education. The following objectives were defined: (i) to understand the potential of Horto de Amato Lusitano for the teaching of Sciences in the first cycle of basic education; (ii) Plan, implement and evaluate to what extent the activities carried out in the Horto de Amato Lusitano facilitate learning of students. The theoretical framework is sub-divided into "science education", "non formal, formal Education contexts", "Horto de Amato Lusitano", "teaching and learning in non-formal spaces". With regard to the methodological options, these are qualitative studies to set features on a research-action format. Data collection techniques were adopted: observation, field notes, written student productions (activity registration documents, drawings and texts), photographic record and semi-structured interview. In order to validate the results, we use the methodological triangulation. This research has significant contribution of the practical/ experimental activities resulting in the Horto de Amato Lusitano, for the promotion of science learning in the first Cycle of basic education, and complete of the relevance of the use of non-formal spaces for active educational practices and motivating.
Descrição: Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de mestre em educação pré–escolar e ensino do 1º ciclo do ensino básico.
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2028
Designação: Mestrado em educação pré–escolar e ensino do 1º ciclo do ensino básico
Aparece nas colecções:ESECB - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese_Final.pdf2,42 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.