Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2190
Título: Controlo da dor crónica em cuidados paliativos com TENS e comunicação
Autor: Ferreira, Elisa Maria Gonçalves
Orientador: Cruz, Eduardo José Brazete Carvalho
Simões, Ângela Sofia Lopes
Palavras-chave: Cuidados paliativos
Fisioterapia
Dor crónica
TENS
Comunicação
Palliative care
Physiotherapy
Chronic pain
TENS
Communication
Data de Defesa: 2013
Resumo: Este relatório reporta ao estágio realizado no âmbito da Prática Clínica 1º Mestrado em Cuidados Paliativos da Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias, do Instituto Politécnico de Castelo Branco, que decorreu no período entre Fevereiro e Maio. Pretende salientar as diversas atividades presenciais frequentadas durante o período de estágio, as aprendizagens, os pontos de ligação entre os conteúdos teóricos e a sua aplicação na prática desenvolvida, assim como proceder a uma avaliação do resultado pedagógico do estágio, sendo ainda sustentadas as afirmações através de bibliografia pertinente. Sendo que a parte prática é de 300 horas, foram realizadas 80 horas no HL no período de 28 de Fevereiro a 8 de Março, e 120 horas, no SMPHF de 15 a 30 no mês de Abril, de acordo com as disponibilidades das respetivas equipas. As restantes 100 horas foram dedicadas no meu local de trabalho a um projeto de intervenção, sobre a área da comunicação durante o mês de Maio. O controlo da dor é encarado como uma prioridade no âmbito da prestação de cuidados de saúde, e embora a farmacologia continue a ser uma opção dominante da sua gestão, o tratamento não farmacológico pode vir a conquistar maior espaço nesse controlo assim como contribuir para melhorar a qualidade de vida global do paciente. Dentro dos tratamentos não farmacológicos, o relatório irá focar o TENS no controlo da dor crónica, sendo esta uma técnica analgésica simples e não invasiva, amplamente utilizada pelos fisioterapeutas. Porém, o relatório evidencia a comunicação/ relação terapêutica. Junto com o controlo proficiente da dor e trabalho de equipa interdisciplinar, o uso adequado de habilidades de comunicação e relações interpessoais constitui o fundamento tríade que sustenta os cuidados paliativos. Com o plano de intervenção, formação em “Comunicação na interação do cuidado no doente” procurou-se a disseminação para as questões em torno da humanização dos cuidados de saúde junto de um grupo de profissionais que diariamente praticam ações paliativas, as auxiliares de lar e centro de dia e apoio domiciliário. O estágio realizado foi no geral ao encontro dos objetivos previamente estabelecidos, permitindo, por um lado a aquisição viva e participada de conhecimentos e, por outro, o desenvolvimento de normas de conduta clínica no âmbito dos Cuidados Paliativos, imprescindíveis à formação básica, e que serão úteis no futuro em qualquer área de diferenciação, nomeadamente na Fisioterapia.
ABSTRACT: This report refers training developed under the clinical practice 1st master in Palliative Care of Escola Superior at Saúde Dr. Lopes Dias, of the Instituto Politécnico de Castelo Branco, which took place in the period between February and May. Wishes to emphasize the various classroom activities attended during the probationary period, the learning, the connection between theoretical concepts and their practical application development, as well as carry out an assessment of the outcome of the pedagogical training, still being supported by the statements of relevant literature. The practical part is 300 hours, 80 hours were held in HL from February 28 to March 8, and 120 hours, in SMPHF of 15 to 30 in April, according to the availabilities of the respective teams. The remaining 100 hours were dedicated in my workplace to an intervention project on the communication during the month of May. Pain control is seen as a priority in the provision of health care, and although Pharmacology continue to be a dominant pain management option, non-pharmacological treatment can come to conquer more space in this control as well as contribute to improve the overall quality of life of the patient. Within the non-pharmacological treatments, the report will focus on the TENS in chronic pain control, which is a simple and non-invasive analgesic technique, widely used by physical therapists. However, the report highlights the therapeutic relationship/communication. Along with the proficient control of pain and interdisciplinary teamwork, proper use of communication skills and interpersonal relationships are the triad basis that sustains of palliative care. With the intervention plan, training on "Communication in the interaction of the patient care", sought to spread the questions around the humanization of health care with a group of professionals who daily practice palliative cares, auxiliaries and home day care and home support. The training developed achieved the objectives previously established in general, allowing on the one hand the acquisition of knowledge and shared living and, secondly, the development of clinical standards of conduct within the Palliative Care, essential to the basic training, and that will be useful in the future in any area of differentiation, including physiotherapy.
Descrição: Relatório de prática clínica apresentado à Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de mestre em Cuidados Paliativos.
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2190
Designação: Mestrado em Cuidados Paliativos
Aparece nas colecções:ESALD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Elisa Ferreira_A.pdf10,47 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.