Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2244
Título: Produção de búfalas leiteiras em Portugal – uma hipótese para o futuro
Autor: Pitacas, F.I.
Vaz, E.S.R.
Rodrigues, A.M.
Palavras-chave: Bubalus bubalis
Búfalas
Produção de leite
Portugal
Data: 2014
Editora: Instituto Politécnico de Santarém
Citação: Pitacas, F.I; Vaz, E.S.R.; Rodrigues, A.M. 2014. Produção de búfalas leiteiras em Portugal – uma hipótese para o futuro. Revista da Unidade de Investigação do Instituto Politécnico de Santarém, Número Especial. Vol.2: 210.
Resumo: Em 2010 o leite de búfala representou 12,8% da produção mundial de leite. A população mundial de búfalos ronda os 190 milhões, 0,2% dos quais estão na Europa maioritariamente em Itália. O búfalo de água (Bubalus bubalis) tem origem na Ásia e inclui as subespécies B. bubalis carabenesis, com 48 cromossomas, e B. bubalis bubalis, com 50 cromossomas. Desta última subespécie, as raças Mediterranea Italiana e Murrah Búlgara são criadas em países da Europa do sul como Itália, Roménia, Turquia, Bulgária, Grécia, Sérvia, Albânia, Hungria, Macedónia e do norte como Reino Unido, Alemanha e Ucrânia. O objetivo deste trabalho é apresentar uma espécie zootécnica pouco conhecida em Portugal, podendo constituir uma alternativa à produção bovina em algumas regiões do país, após o fim do regime de quotas leiteiras. Em alguns países europeus, as búfalas são criadas em regimes mais ou menos intensivos. Em Itália, mais de ¼ das búfalas são contrastadas e submetidas a ordenha mecânica duas vezes por dia. A inseminação artificial é praticada e o efetivo médio das explorações sujeitas a contraste é de 161,3 cabeças com produções médias de 2.221 kg de leite com 8,24% de gordura e 4,66% de proteína em 270 dias de lactação. O leite destina-se maioritariamente à produção de queijo Mozzarella (25% de rendimento queijeiro). Em Portugal existe a Associação dos Criadores de Búfalos de Portugal com sede em Arronches – Alentejo, o que poderá indicar, que esta Região Sul do país tem fortes potencialidades para a criação de búfalas leiteiras. As vantagens que decorrerão da implementação do regadio da Barragem do Alqueva, facilitarão a instalação de unidades de produção e transformação de leite de búfala em queijo. Havendo produção e transformação será possível reduzir a importação de queijo de búfala e criar postos de trabalho numa das regiões mais desfavorecidas de Portugal.
Descrição: Comunicação apresentada no Congresso “Investigação, Inovação e Tecnologia: novos desafios”, que decorreu em Santarém, em fevereiro de 2014.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2244
ISSN: 2182-9608
Versão do Editor: http://www.ipsantarem.pt/arquivo/5004
Aparece nas colecções:ESACB - Comunicações em encontros científicos e técnicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Búfalos_UIIPS2014_Final.pdf1,72 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.