Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2450
Título: A satisfação em aulas práticas de atividade física e desportiva : diferenças na satisfação de jovens com condição de deficiência intelectual e sem essa condição
Autor: Silva, Jean Piero Carvalho
Orientador: Petrica, João Manuel Patrício Duarte
Paulo, Rui Miguel Duarte
Palavras-chave: Atividade física
Educação física
Emoções
Satisfação
Deficiência intelectual
Physical activity
Physical education
Emotions
Satisfaction
Intellectual disability
Data de Defesa: 14-Jul-2014
Resumo: Objetivo: o presente estudo teve como principal objetivo verificar se, nas aulas práticas de AF e desportiva (aulas de EF), os níveis de satisfação variam, em dois grupos educacionais distintos. Procuraremos constatar se existem diferenças significativas, relativamente ao nível da satisfação nestas aulas, entre os alunos sem condição de deficiência e os alunos de uma instituição particular de solidariedade social, com condição de deficiência intelectual, averiguando quais as possíveis razões, relativamente ao nível da satisfação. Material e Métodos: Estudo quantitativo e transversal, com uma amostra constituída por 71 alunos, que foram divididos em dois grupos educacionais distintos. O 1º grupo foi constituído por 41 alunos da Escola Superior de Educação de Castelo Branco, pertencentes ao 3º ano da licenciatura de Desporto e Atividade Física e ao Mestrado na mesma área (rapazes = 30/ raparigas = 11), dos 20 aos 49 anos, com média de idade de 23,7±4,71. O 2º grupo foi constituído por alunos com condição de deficiência intelectual, de uma Instituição Particular de Solidariedade Social do distrito de Castelo Branco, participando 30 indivíduos (rapazes = 12/ raparigas = 18), dos 18 aos 51 anos, com média de idades de 30,0±8,71. Utilizámos uma adaptação do questionário de satisfação, validado por Querido (2009). Os dados obtidos foram tratados no S.P.S.S. 20.0. Numa primeira fase recorremos à estatística descritiva, mediante a frequência de ocorrências, média, desvio padrão e percentuais relativos e absolutos. Posteriormente, para a análise inferencial, procedeu-se à utilização do teste do Qui Quadrado, adotando-se um nível de significância de 0,05. Resultados: Os resultados demonstraram que, de uma forma generalizada, os alunos estavam satisfeitos com as aulas de Atividade Física e Desportiva, e com essa conjetura revelaram mais emoções positivas do que negativas, no que diz respeito à satisfação nas aulas em questão. Verificou-se então, que não existiram diferenças estatisticamente significativas entre os dois grupos da amostra, para os itens do questionário, excetuando a perceção negativa sobre o tempo, a superioridade de desempenho em relação aos seus pares e a insatisfação no relacionamento com os colegas, onde se verificaram diferenças estatisticamente aceitáveis. Conclusão: Os dois grupos da amostra, de uma maneira geral, demonstram uma satisfação positiva pelas aulas de AF e Desportiva, ou seja, gostam de participar nas aulas, pensam que o tempo passa a correr nas aulas, que o ambiente que rodeia as mesmas é agradável, que aprendem bastante, que contribuem para melhorar a sua condição física e que, no geral, se divertem bastantes com as mesmas.
Objective: The main objective of this study is to verify if, in the physical activity classes, the levels vary in two different educational groups. We will seek to establish whether there are significant differences regarding the level of satisfaction in these classes among students without disabilities condition and students from a private charitable organization, with the condition of intellectual disability, ascertain what the possible reasons for the level of satisfaction. Material and Methods: Quantitative and cross-sectional study with a sample of 71 students, who were divided into two distinct educational groups. The 1st group consisted of 41 students from the Escola Superior de Educação, belonging to the 3rd year of the Bachelor of Desporto e Atividade Fisica and the Masters in the same area (boys = 30 / girls = 11), from 20 to 49 years with a mean age of 23.7 ± 4.71. The 2nd group consisted of students with a condition of intellectual disability, from a Private Institution of Social Solidarity in the district of Castelo Branco, participating in 30 subjects (boys = 12 / girls = 18), from 18 to 51 years old, with mean age of 30.0 ± 8.71. We used an adaptation of the satisfaction questionnaire validated by Querido (2009). The data were processed in S.P.S.S. 20.0. Initially we used the descriptive statistics by frequency of occurrence, average, standard deviation and percent relative and absolute. Later to the inferential analysis, we proceeded to use the Chi Square, adopting a significance level of 0.05. Results: The results showed that, in a generalized way, students were satisfied with the lessons of Physical Activity and Sport, and this conjecture showed more positive emotions than negative, with respect to satisfying the classes in question. It then emerged that there were no statistically significant differences between the two groups in the sample for the questionnaire items, except the negative perception about time, the superiority of performance relative to its peers and dissatisfaction in relationships with colleagues, where differences were found statistically acceptable. Conclusion: The two sample groups, in general, demonstrate a positive satisfaction with the lessons of Physical Activity and Sport, in other words, enjoy participating in class, think time starts to run in this classes, the environment that surrounds them it’s nice, that they learn a lot, helping to improve your physical condition and that, in general, play enough with them.
Descrição: Projeto para obtenção do Grau de Mestre em Atividade Física, especialização em Desporto Adaptado (2º ciclo de estudos), apresentado à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2450
Aparece nas colecções:ESECB - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
tese final Xccapa.pdf5,44 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.