Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2543
Título: A influência da OCDE nas políticas públicas de educação em Portugal
Autor: Lemos, Valter Victorino
Orientador: Simões, João Formosinho
Rodrigues, Maria de Lurdes
Palavras-chave: Políticas públicas
OCDE
Política educativa
Transnacionalização da educação
Convergência de políticas
PISA
Public policy
OECD
Educational policy
Trans-nationalization of education
Policy convergence
PISA
Data de Defesa: 2014
Resumo: A mais recente onda de globalização do final do século XX e as consequências geradas pela interdependência dos Estados trouxeram novas formas de olhar as políticas públicas, bem como os mecanismos de influência das organizações internacionais na difusão, transferência e convergência dessas políticas. A OCDE é uma das organizações que, nas políticas de educação, tem tido um papel destacado, o qual adquiriu maior impacto e visibilidade com o lançamento do programa PISA. A ação da OCDE em Portugal iniciou-se nos anos 60 e prolongou-se até à atualidade. Foram vários os mecanismos de ação da OCDE, ao longo das três fases em que a mesma teve lugar, como a produção de ideias, a produção de dados e a avaliação de políticas. Na primeira fase o principal instrumento de ação foi o Projeto Regional do Mediterrâneo, ocorrendo uma mudança de paradigma da política educativa portuguesa. Na segunda fase o instrumento utilizado foi o Exame à Política Nacional de Educação, vindo a ter lugar a estabilização dos eixos estruturantes dessa política. Na terceira fase, os instrumentos usados foram a produção e divulgação de indicadores educacionais, constituídos como standards e benchmarks, com relevo para os relativos ao PISA, vindo a ocorrer, para além da consolidação daqueles eixos, uma convergência com as políticas e os referenciais definidos pela OCDE. Conclui-se que as políticas públicas que estiveram presentes na construção do sistema educativo português nos últimos 50 anos tiveram uma importante influência da OCDE, designadamente na mudança para uma escola mais democratizada e equitativa, na consolidação de um sistema educativo mais estruturado e universal e na convergência de políticas para a melhoria dos resultados educativos.
ABSTRACT - The latest wave of globalization in the late twentieth century and the consequences generated by the interdependence of States have brought new ways of looking at public policy, as well as the mechanisms of influence of international organizations in the diffusion, transfer and convergence of these policies. The OECD is one of the organizations, in education policy, has played a prominent role, which acquired greater impact and visibility with the release of the PISA program. The OECD action in Portugal began in the '60s and lasted to the present day. There were several mechanisms of action of the OECD, over the three phases in which it took place, as the ideas production, data generation and policy evaluation. In the first phase the main instrument of action was the Mediterranean Regional Project and a paradigm shift occurred in the Portuguese educational policy. In the second phase the instrument used was the National Education Policy Examination and has been taking place stabilization of structural axes of this policy. In the third phase, the instruments used were the production and dissemination of educational indicators, established as standards and benchmarks, with emphasis on those related to PISA, been taking place, in addition to the consolidation of those axes, a convergence with the policies and benchmarks defined OECD. We conclude that public policies that were present in the construction of the Portuguese educational system in the last 50 years have had a major influence of the OECD, notably the shift towards a more equitable and more democratic school, the consolidation of a more structured and universal education system and convergence of policies to improve educational outcomes.
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2543
Designação: Doutoramento em Políticas Públicas
Aparece nas colecções:ESECB - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TESE_A Infuencia da OCDE.pdf4,33 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.