Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2701
Título: Desenvolvimento emocional e compreensão social em crianças autistas (estudo de caso)
Outros títulos: Emotional development and social understanding in autistic children
Autor: Martins, Ernesto
Ceia, Helena
Palavras-chave: Perturbação do Espetro de Autismo
Inventário de espetro de autista
Programa de desenvolvimento de competências sociais
Estudo caso
Unidade estruturada de ensino
Autism Spectrum Disorder
Autistic Spectrum Inventory
Social skills development program
Case study
Structured teaching unit
Data: 2013
Editora: Instituto de Educação, Universidade de Lisboa
Citação: MARTINS, Ernesto ; CEIA, Helena (2013) - Desenvolvimento emocional e compreensão social em crianças autistas (estudo de caso). In I Congresso Internacional, Lisboa, 15, 16 e 17 de junho - Envolvimento dos alunos na escola : perspetivas internacionais da psicologia e educação : e-book. Lisboa : Instituto de Educação, Universidade de Lisboa. p. 815-836.
Resumo: Este estudo de caso, de metodologia qualitativa, aborda a temática do desenvolvimento emocional e a compreensão social em 3 crianças com espetro autista (PEA) duma escola, na cidade de Castelo Branco, inserindo-se no âmbito do Projeto de Inteligência Emocional aplicado a alunos do ensino básico na região. Os propósitos prendem-se com as dificuldades que existem, por parte daquelas crianças, na identificação de emoções e no desenvolvimento da habilidade de compreensão social relacionando-se a aprendizagem / educação emocional e no incentivo das relações interpessoais. Intentamos averiguar se essas 3 crianças autistas de um Agrupamento de Escolas conseguem desenvolver e melhorar as suas habilidades sociais a partir do Programa de Desenvolvimento de Compreensão Social (PDCS), de Manuel O. Rúa. O objetivo principal, ao aplicar o PDCS, é o de confirmar as suas vantagens e benefícios no desenvolvimento pessoal e social em autistas, já que elas têm muitas dificuldades na identificação de emoções e no desenvolvimento das habilidades de compreensão social, relacionadas com a aprendizagem/educação emocional para se conhecerem melhor e aos outros. Analisaremos as dificuldades existentes nessas crianças autistas, na identificação e regulação de emoções e no desenvolvimento da habilidade de compreensão social. Demonstraremos que há uma evolução relativamente ao número de acertos, nos sujeitos estudados, nas situações de pré e pós teste do PDCS. As emoções ‘alegria’ e ‘tristeza’ atingiram sempre o número máximo de acertos e muitas dificuldades em identificar o medo e a vergonha. O PDCS constituiu um instrumento de melhora das crianças com PEA, quer na identificação de emoções, quer nas relações sociais. Simultaneamente incrementou-se as tarefas de compreensão social, observadas através do incremento do número de acertos, assim como a redução do número de erros cometidos durante a execução das correspondências entre os modelos das figuras esquemáticas emocionais e as representações e situações relacionais apresentadas no processo de avaliação pré e pós-teste. Assim, os 3 alunos autistas passaram a compreender o significado das emoções no processo de comunicação e interação social, justificando-se a afirmação de que a aprendizagem realizada sobre estas áreas de desenvolvimento exerce uma influência decisiva na melhoria da compreensão social dos indivíduos com PEA. Houve uma falta de sucesso nas situações de role-playing que não conseguimos alcançar em algumas vezes, o que implica que o programa implementado deva ser encarado como um fator integrante de outros programas mais globais favorecedores do desenvolvimento da comunicação, interação social e do jogo simbólico. Isto é, deve fazer-se ênfase no valor da inter-relação de diferentes programas na prática educativa aplicados ao desenvolvimento das diversas áreas que incidem na melhoria das crianças autistas, de forma que as mesmas áreas se fundam num currículo funcional e significativo para o processo educacional.
Abstract - This study, qualitative methodology, discusses the emotional development and social understanding in 3 children with autistic spectrum (PEA) of a school of the city of Castelo Branco, in the framework of the project of emotional intelligence applied to students of basic education in the region. We will analyze if those autistic children develop and improve their social skills from Understanding Social development program (PDCS), Manuel O. Rúa. When applying the PDCS will confirm its advantages and benefits in the personal and social development in autistic, since they have many difficulties in identifying emotions and in the development of social comprehension skills related to learning/emotional education to get better acquainted and others. We will demonstrate that there is an evolution in relation to the number of hits, the subject studied, in situations of pre and posttest of PDCS. The emotions joy and sorrow were always the maximum number of hits, and there are difficulties in identifying the fear and shame. The PDCS constituted an instrument for improvement of improvement of children with PEA, both in identifying emotions in social relations. We develop social understanding tasks, observed by the increase in the number of errors made during the execution of the correspondences between the models of the schematic representations and emotional figures and relational situations presented in the evaluation process Pre and Posttest. Autistic students in the study came to understand the meaning of emotions in the process of communication and social interaction, confirming that learning carried out in these areas of development exerts a decisive influence on improving the social understanding of individuals with PEA. There was some failure in situations of roleplaying that we can’t achieve in a few times, which implies that the program should be seen as an integral factor of other programs, more global and contribute for the development of communication, social interaction and symbolic game. We highlight the value of the interrelationship of different programs on educational practice, applied to the development of several areas from which focus on improvement of autistic children, so that these areas if found in a functional resume and meaningful to the educational process.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2701
ISBN: 978-989-98314-8-3
Aparece nas colecções:ESECB - Comunicações em encontros científicos e técnicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Desenvolvimento emocional.pdf624,82 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.