Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2706
Título: O risco de quedas nos idosos do concelho de Proença a Nova
Autor: Prior, Ana Gracinda Queirós dos Santos
Orientador: Belo, Ana Paula Pires Rodrigues
Grilo, Eugénia Nunes
Palavras-chave: Quedas
Idosos
Fatores de risco
Falls
Elderly
Risk factors
Data de Defesa: 2015
Resumo: Com o avançar da idade, o risco de cair aumenta significativamente e torna a queda um grande problema de saúde pública devido ao aumento considerável do número de idosos na população mundial e à sua maior longevidade será, portanto, necessário atuar rapidamente para que desta forma se obtenham ganhos em saúde. Este estudo serviu para investigar a história das quedas referidas pelos idosos, considerando o local de ocorrência, causas e consequências, de modo a desenvolver medidas preventivas focadas nos principais fatores de risco identificados. Teve como objetivo estudar qual a prevalência de quedas na população idosa do concelho de Proença à Nova. Foi realizado um estudo exploratório, descritivo e transversal, de caraterísticas quantitativas numa amostra de 59 idosos com idades compreendidas entre os 65 e 99 anos. A média da amostra centra-se nos 77 anos e a moda nos 65-75 anos. Já sofreram pelo menos uma queda 75% dos inquiridos e é mais frequente entre os idosos do sexo feminino (78,95). As quedas ocorrem mais fora de casa (72,7%) e no período diurno (68%). As quedas e o consequente medo de cair são preponderantes para o aumento do sedentarismo desta população mais velha, o que possibilita o exacerbar das alterações e patologias associadas ao envelhecimento. As informações foram recolhidas por meio de um questionário abordando questões sociodemográficas, historial de quedas e os fatores de risco que possam influenciar as mesmas. Utilizou-se o teste “Timed Up and Go” que permite perceber o risco de queda a que um idoso está sujeito, mediante o tempo de execução do mesmo, ou seja, quanto maior o tempo, maior o risco de queda. Com o objetivo de auxiliar na investigação de possíveis deficites cognitivos usou-se o Mini Exame do Estado Mental A informação obtida foi tratada através do software aplicativo de tratamento estatístico de dados, Statistical Package for the Sciences 21 e para a apresentação gráfica foi utilizado o programa informático de folha de cálculo Microsoft Office Excel 2010. Verificamos, ainda, que se obteve relação positiva entre quedas e idade (r= 0,963) e  = 0,025) verificando-se uma associação entre estas duas variáveis.
The fall in the elderly has been increasing around the world exponentially, you need to act quickly to get this if health gains. This study served to investigate the history of falls reported by the elderly, considering the place of occurrence, causes and consequences, in order to develop preventive measures focused on the main risk factors identified. This aimed to study the prevalence of falls in the elderly population of the board of Proença à Nova. An exploratory, descriptive and cross-sectional study of quantitative traits in a sample of 59 elderly aged between 65 and 99 years was conducted. The average sample focuses on 77 years and the mode 65-75 years. Already suffered at least one fall 75% of respondents and is more common among older women (78,95). Falls occur more outside the home (72.7%) and daytime (68%). Falls and the consequent fear of falling are crucial for increased physical inactivity this older population, which enables exacerbate the changes and age-related pathologies. Information was collected through a questionnaire covering demographic characteristics, history of falls and the risk factors that may influence them. We used the "Timed Up and Go" test that allows us to understand the downside risk that an elderly person is, by the time of implementation, in other words, the longer the duration, the greater the risk of falling. Aiming to assist in the investigation of possible cognitive deficits we used the Mini Mental State Examination. The information obtained was treated by the application software of statistical treatment of data, Statistical Package for the Sciences 21 and the graphical presentation of the computer spreadsheet program Microsoft Office Excel 2010 was used. We also noticed that we obtained positive relationship between falls and age (r=0.963) and  = 0.025) verifying an association between these two variables.
Descrição: Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Gerontologia Social.
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2706
Designação: Mestrado em Gerontologia Social
Aparece nas colecções:ESECB - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
tese-ana prior-final.pdf1,81 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.