Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2861
Título: Proposta de sistematização dos vários graus de aprendizagem : (do 1.º ano de iniciação ao 8.º grau de Fagote)
Autor: Janeiro, Susana Mafalda Tormenta
Orientador: Pinho, José Francisco Bastos Dias de
Carreira, Carolino
Palavras-chave: Aprendizagem
Fagote
Sistematização
Ensino
Pedagogia
Data de Defesa: 2014
Resumo: A escolha do presente trabalho sustenta-se na constatação da inexistência de uma prática sistematizada da aprendizagem de fagote em Portugal. Como consequência desta situação o ensino do instrumento decorre invariavelmente mais da experiência pessoal e profissional de cada professor, do que do recurso a uma ferramenta de trabalho devidamente estruturada e atualizada. A proposta de sistematização apresentada abrange o período de formação que decorre do 1º grau ao 8º grau de ensino e sustenta-se na investigação decorrente da minha experiência de ensino em Portugal e no estrangeiro. Para a realização deste trabalho, foram investigadas várias sistematizações do ensino do fagote, em escolas portuguesas, suíças, espanholas e francesas. Procurei assim reunir o material que achei mais interessante, tentando melhorar aspetos que do meu ponto de vista eram importantes, adaptando-os à nossa realidade concreta. Sendo um trabalho essencialmente dirigido para a vertente do ensino do fagote, não se circunscreve ao papel do professor. Embora procurando fornecer os suportes necessários à prática docente, centra-se objetivamente no aluno, reconhecendo as suas especificidades e fornecendo-lhe as ferramentas de apoio necessárias, designadamente naquilo que são os aspetos fundamentais para quem se inicia na prática do fagote. Dada a complexidade do tema, este trabalho procura abranger a vertente do ensino do fagote nas suas diferentes variáveis: o papel do professor, no que diz respeito às questões metodológicas e específicas do ensino deste instrumento; os objetivos a atingir por cada grau de ensino, não esquecendo o desenvolvimento humano do aluno enquanto pessoa; a sistematização de literatura musical e textos de apoio a ministrar por cada grau de ensino; finalmente os textos de apoio para os alunos sobre os mais diferentes assuntos ligados à prática do ensino do fagote, designadamente a respiração, embocadura, postura, dedilhações, montagem e manutenção do instrumento, montagem e raspagem de palhetas, entre outros. A abrangência dos temas tratados tem como objetivo não resumir o presente trabalho a um mero manual de métodos de aprendizagem de um instrumento. Procura-se abarcar outro tipo de temáticas que têm que ver com as ciências humanas, muitas vezes esquecidas e determinantes no processo formativo: motivação, socialização, pedagogia, desenvolvimento humano, etc. Com este trabalho procura-se sobretudo contribuir para uma prática mais sistematizada e profissionalizada do ensino da música, especificamente do fagote, abordando esta problemática no contexto de abrangência que lhe é devido.
Abstract: The present choice of this theme comes from the realization of the lack of a systematic practice of bassoon teaching in Portugal. This factor contributes for a situation where the personal and professional experiences of each teacher comes before having a properly structured and widely comprehensible guide. The presented proposal of systematization includes the formation period starting from the 1st to the 8th grade of education, and supports itself in the research that has been developed during my apprentice experience in Portugal and abroad. For this paper, several systematizations of teaching bassoon have been investigated in Portuguese, Swiss, Spanish and French schools, meaning to gather the material I thought to be more interesting, always trying to add to them my own point of view, adapting them to our reality. Being essentially directed to the bassoon teaching side, this work is not only about the teacher’s role, but also and specially, it focuses objectively on the students’. Recognizing their singularities and giving them the necessary support tools, such as the fundamental aspects for someone initiating their bassoon practice. Given the complexity of the issue, this paper attempts to cover the aspect of teaching bassoon in its different variables: the teacher's role, in what concerns the methodological issues and specifically teaching of this instrument; the goals to be achieved by each level of education, not forgetting the human development of the student as a person; the systematization of musical literature and supports texts adequate to teach each level of education; finally the support texts given to the students about a large range of different maters connected to the practice of the instrument, including breathing, embouchure, posture, fingerings, assembly and maintenance of the instrument, assembling and scraping reeds, among others. The range of subjects covered seeks not to summarize this present works to a mere manual of learning methods. It aims to embrace another kind of thematic involving human sciences, so many times forgotten and essential in a formative process: motivation, socialization, education, human development, etc. This master thesis seeks to primarily contribute to a more systematic and professionalized practice of teaching music and the bassoon specifically, addressing this issue in the context of coverage that it deserves.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco para obtenção do Grau de Mestre em Ensino da Música - Instrumento e Classe de Conjunto.
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2861
Designação: Mestrado em Ensino de Música
Aparece nas colecções:ESART - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TM_SUSANA_JAN.pdf6,37 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.