Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/2904
Título: Luto na infância e juventude: caraterísticas e implicações para o desenvolvimento saudável
Autor: Marçal, Kátia Belizanda Farinha
Orientador: Ramos, Sílvia da Encarnação de Barros
Lourenço, Isabel Maria de Sousa
Palavras-chave: Infância/juventude
Processo de luto
Impacto no desenvolvimento
Qualidade de vida e bem-estar
Childhood/youth
Mourning process
Impacts on the Development
Quality of life and welfare
Data de Defesa: 2015
Resumo: No 2º Mestrado em Cuidados Paliativos da Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias do Instituto Politécnico de Castelo Branco, faz parte do plano curricular a realização de um Relatório de Ensino Clínico, concretizado posteriormente ao Processo de Prática Clínica, com finalidade de obter o grau de Mestre nesta área do saber. O mesmo deve descrever detalhadamente as atividades desenvolvidas e as competências adquiridas no decorrer do processo de prática assistencial, respondendo afirmativamente aos objetivos traçados no Projeto de Prática Clínica. Tendo em conta as normas estabelecidas para o processo de aprendizagem é solicitado aos mestrandos a realização e aplicação de um Projeto de Intervenção / Formação, subordinado a uma temática de escolha individual. Neste caso, por considerar o apoio à família no Processo de Luto como uma das áreas fundamentais de intervenção em Cuidados Paliativos e por identificar grandes défices informativos no que toca a este assunto, escolhi desenvolver a temática do “Luto na Infância e Juventude: Caraterísticas e Implicações para o Desenvolvimento Saudável”. Os Cuidados Paliativos, na sua essência, visam melhorar a qualidade de vida dos doentes que enfrentam problemas decorrentes de doença incurável e das suas famílias, através da prevenção e alívio do sofrimento, com recurso à identificação precoce e tratamento rigoroso dos problemas físicos, psicossociais e espirituais, entre outros. Contudo, tal apenas será possível através de uma intervenção orientada para os pilares fundamentais dos Cuidados Paliativos onde se incluem o controlo de sintomas, a comunicação adequada, o trabalho em equipa e o apoio à família antes da perda e durante o Processo de Luto. O Luto tem vindo a ser definido como o processo decorrente da perda de uma pessoa significativa, sendo um acontecimento psicofisiológico influenciado por fatores culturais e sociais. É um processo dinâmico e individual, a partir do qual é possível assimilar-se a realidade da perda, favorecendo o desenvolvimento de estratégias de adaptação indispensáveis à continuidade da vida. O apoio à família no decorrer deste processo deve ser uma prioridade dos profissionais de saúde em Cuidados Paliativos. Durante o período de Ensino Clínico realizado na Unidade de Cuidados Paliativos do Hospital de Coria foi desenvolvido um Projeto de Intervenção subordinado ao tema “Processo de Luto” através da realização de um conjunto de atividades nas quais se incluem o desenvolvimento de uma Revisão Sistemática da Literatura denominada “Luto na Infância e Juventude: Riscos do Falecimento Parental”, a realização de sessões de educação acerca desta temática a jovens estudantes e profissionais de saúde da Unidade Local de Saúde de Castelo Branco (ULSCB) – Hospital Amato Lusitano (HAL) e Centro Hospitalar Cova da Beira (CHCB) – Hospital Pêro da Covilhã (HC), bem como a realização de um estudo científico acerca do Processo de Luto na Juventude realizado nas escolas da vila da Sertã a jovens com idades compreendidas entre os 15 e 19 anos. Apreendi com o mesmo que apesar dos jovens manifestarem conhecimentos gerais básicos acerca do Processo de Luto, das suas caraterísticas e implicações para o bem-estar, muitos consideram-no como um tema temido.
ABSTRACT: In the second master in Palliative Care from the School of Health Dr. Lopes Dias from the Polytechnic Institute of Castelo Branco, it is part of the curriculum to realize a Clinical Practice Report subsequently brought to the Clinical Practice Process, in order to obtain the degree of Master in this area of knowledge. It must describe in detail the activities developed and the skills acquired during the process, answering affirmatively to the objectives set in the Clinical Practice Project. Taking into account the rules established for the learning process, the master students are requested the realization and implementation of an Intervention or Formation Project subordinated to an individual choice of theme. In this case, considering the Family Support in Mourning as one of the key areas of intervention in Palliative Care, and also by identifying large information deficits when it comes to this subject, i have chosen to develop the theme of "Mourning in Children and Youth: Characteristics and Implications for an Healthy Development ". Palliative Care, in essence, aimed at improving the quality of life of patients facing problems due to incurable disease and their families, through the prevention and relief of suffering, using the early identification and rigorous treatment of physical problems, psychosocial and spiritual, among others. However, this will only be possible through targeted intervention to the fundamental pillars of Palliative Care which includes the control of symptoms, proper communication, teamwork and family support before the loss and during the Grieving Process. Mourning has been defined as the resulting process of living the loss of a significant person, being a psychophysiological event influenced by cultural and social factors. It is a dynamic and individual process from which it is possible to assimilate the reality of loss, favoring the development of adaptation strategies, essential to the continuity of life. The family support during this process should be a priority for health professionals in Palliative Care. During the Clinical Practice period held at Palliative Care Unit from the Hospital Ciudad de Coria, an intervention project entitled "Process of Mourning" has been developed, through the realization of a set of activities. This set includes the development of a Systematic Review of the Literature called "Mourning in Children and Youth: Parental Death Risks", the holding of young students and health professionals education sessions from the Local Health Unit of Castelo Branco – Hospital Amato Lusitano and Hospital Center Cova da Beira – Hospital of Covilhã, and also the holding of a scientific study of Mourning Process in Youth, held in the village schools of Sertã to young people aged between 15 and 19 years. Apprehended with the same that although young people express basic general knowledge of the Grief Process, its characteristics and implications for the well-being, many consider it to be a dreaded subject.
Descrição: Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Cuidados Paliativos.
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/2904
Designação: Mestrado em Cuidados Paliativos
Aparece nas colecções:ESALD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Relatório de Prática Clínica Final - Kátia_.pdf15,24 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.