Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/5313
Título: Autoavaliação : uma melhoria para as escolas
Autor: Nunes, Madalena da Conceição
Orientador: Paixão, Maria de Fátima Carmona Simões da
Lemos, Valter Vitorino
Palavras-chave: Organização escolar
Avaliação
Avaliação externa
Autoavaliação
School organization
Evaluation
External evaluation
Self-evaluation
Data de Defesa: 28-Abr-2016
Resumo: A avaliação das escolas é uma questão importante, tanto a nível internacional como nacional. A pressão social, mas sobretudo a económica e política exigem que as escolas assumam cada vez mais a responsabilidade sobre o seu desempenho perante a comunidade em geral. É num contexto de avaliação externa, nomeadamente dos primeiros três anos do segundo ciclo da avaliação externa conduzida nas escolas que o nosso estudo incide, de modo a responder às seguintes questões: 1. Como são caracterizados os subdomínios de autoavaliação nas escolas que obtiveram Muito Bom na classificação do domínio Liderança e Gestão? 2. Nos relatórios de avaliação externa a autoavaliação das escolas em estudo é considerada um ponto forte ou uma área de melhoria? (ponto fraco) Partindo desta problemática, o objeto de estudo foram os relatórios de avaliação externa das escolas da zona centro, sobre os quais incidiu uma análise de conteúdo com vista a conhecer os processos, os usos e os fins que as escolas associam à autoavaliação e, também quais foram as questões levantadas na avaliação externa, para refletir, e contribuir para que estas tomem consciência do trabalho que desenvolvem de modo a poderem melhorar as suas práticas Foi adotada uma metodologia de índole qualitativa, tendo-se tomado a análise de conteúdo dos relatórios de avaliação externa da Inspeção Geral da Educação e Ciência como técnica de recolha de dados, com base num sistema de categorias. Para tal, é apresentado um quadro de referência onde se procura dar conta dos pressupostos teóricos inerentes à autoavaliação organizacional. Os resultados obtidos são congruentes com os recolhidos pelo relatório final de avaliação externa do primeiro ciclo de avaliação e também com os de alguns estudos independentes. As escolas têm instituído os seus processos de autoavaliação mas estes não constituem fonte de reflexão de modo a planear e assim mudar e melhorar as suas práticas.
The evaluation of schools is an important issue, both at international and national level. The social pressure, but mainly the political and economic one requires the schools to take more and more the responsibility about their performance in the community. It is in an external evaluation context, mainly the first three years of the second cycle of external evaluation carried out in schools that our study focus to answer the following questions: 1. How are the self-evaluation subcategories characterized in those schools which were classified as very good in leadership and management? 2. In the external evaluation reports is self-evaluation considered a strong point or an area to improve? (weak point) Having this in mind, the aim of this study is focused on the external evaluation reports from the center of the country. A content analysis about these reports was made aiming at knowing the processes, the procedures and goals which schools associate with evaluation and also which were the question raised by external evaluation to reflect and to make them be aware of their work in order to improve their practices. A qualitative methodology was designed with a content analysis of data and categories identification in the external evaluation reports by “Inspeção Geral da Educação e Ciência”. A theoretical frame is presented to support self-evaluation in organizations. The results are according to the ones gathered by those of the final report of external evaluation of the first cycle and also with the ones of some autonomous studies. The schools have adopted their self-evaluation processes but these are not a source of reflection to plan and then change and improve their practices.
Descrição: Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Supervisão e Avaliação Escolar.
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/5313
Designação: Mestrado em Supervisão e Avaliação Escolar
Aparece nas colecções:ESECB - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
tese mestrado_2.pdf3,01 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.