Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/5483
Título: Aptidão física funcional e desempenho cognitivo em pessoas idosas, com diferentes níveis de prática de atividade física supervisionada
Autor: Baião, Daniela Alexandra Dias
Orientador: Paulo, Rui Miguel Duarte
Palavras-chave: Atividade física
Aptidão física funcional
Capacidade cognitiva
Idosos
Physical activity
Functional physical fitness
Cognitive ability
Elderly
Data de Defesa: Jan-2017
Resumo: A presente investigação tem como principal objetivo verificar qual a relação entre a aptidão física funcional e a capacidade cognitiva, nas pessoas idosas, com diferentes níveis de prática de atividade física supervisionada. Como tal, pretendemos verificar as diferenças entre os dois grupos estudados e ainda correlacionar as variáveis estudadas. A amostra foi constituída por 18 participantes, com idades superiores a 65 anos, com média de idade de 83,78 ± 4,055, de ambos os géneros divididos por dois grupos consoante a frequência de AF realizada: o Grupo A constituído por 9 idosos praticantes de AF Supervisionada até 2 vezes por semana e o Grupo B constituído por 9 idosos praticantes de AF supervisionada 3 vezes ou mais por semana. Para caracterizar a amostra quanto ao nível de AF, aplicámos uma adaptação do questionário de Telama et al. (1997). Avaliamos a Aptidão Física da amostra através da aplicação da Bateria de Fullerton: Testes de Aptidão Física Funcional (Rikli & Jones, 1999) e ainda os aspetos cognitivos através do Mini Mental State Examination onde foi utilizado o score do teste, aplicámos o Trail Making Test Parte A e ainda o Teste D2 do qual utilizamos o Índice de Concentração. Os dados obtidos foram tratados no S.P.S.S. versão 23.0, onde, numa primeira fase, serão apresentados os resultados através da média e desvio padrão. Seguidamente, procedeu-se à verificação da normalidade da amostra através do Shapiro–Wilk test. Como nenhuma das variáveis demonstrou distribuição normal, procedeu-se à utilização do teste U de Mann-Whitney. Adotou-se um nível de significância com uma margem de erro de 5% ou com um nível de confiança de 95%. Para a análise da correlação, utilizámos o teste de correlação não paramétrico de Spearman. O grupo B obteve diferenças estatisticamente significativas (p≤ 0,05) e mais favoráveis nas variáveis “Alcançar atrás das costas”, “Dois min de step”, “Trail Making Test parte A”, “Índice de Concentração”. Verificamos ainda a existência de correlação entre várias variáveis estudadas. Ao compararmos os dois grupos de idosos com frequência de AF diferente quanto ao nível de Aptidão Física Funcional e ao Desempenho cognitivo que apenas se verificam diferenças estatisticamente significativas na flexibilidade dos membros superiores, na aptidão cardiorrespiratória, na velocidade psicomotora, atenção e no índice de Concentração. No entanto, quando realizamos a comparação das mesmas variáveis, mas dividindo os grupos quanto ao sexo, no caso o grupo do sexo masculino constituído por 9 idosos e o grupo do sexo feminino constituído também por 9 idosos, verificamos na presente amostra que não se verificou qualquer diferença estatisticamente significativa entre os dois grupos.
The present investigation has as main objective to analyze the relationship between functional physical fitness and cognitive performance in the elderly, with different levels of supervised physical activity practice. Therefore, we intend to verify the differences between the two groups and to correlate the variables that were studied. The sample consisted of 18 participants, aged over 65, with an average age of 83.78 ± 4.055, and of both genders, divided in two groups according to the frequency of physical activity. Group A consisted of 9 elderly people practicing supervised physical activity up to 2 times a week, and Group B consisted of 9 elderly people practicing supervised physical activity 3 times or more per week. To characterize the sample regarding the level of physical activity, we applied an adaptation of the questionnaire of Telama et al. (1997). We evaluated the physical fitness of the sample through the application of the Fullerton Functional Fitness Test (Rikli & Jones, 1999) and also the cognitive aspects with the Mini Mental State Examination where the test score was used. We applied the Trail Making Test Part A and also the D2 Test from which we used the Concentration Index. The data obtained were treated in the S.P.S.S. Version 23.0, where, in a first phase, the results were presented through the mean and standard deviation. Next, the normality of the sample was verified through the Shapiro–Wilk test. As none of the variables demonstrated normal distribution, the Mann-Whitney’s U test was used. A level of significance was adopted with a margin of error of 5% or with a confidence level of 95%. For the correlation analysis, we used the Spearman’s nonparametric test. Group B obtained statistically different results (p≤ 0.05) and more favorable results in the variables "Reaching behind the back", "Two min of step", "Trail Making Test part A" and "Concentration Index". We also verified the existence of a correlation between the different variables analyzed. When comparing the two groups of elderly people with different levels of different physical activity in terms of functional physical fitness and cognitive performance, there are only statistically significant differences in upper limb flexibility, cardiorespiratory fitness, psychomotor speed and attention, and in the index of concentration. However, when comparing the same variables but dividing the groups by gender, we verified that, in the following sample, there was no statistically significant difference between the two groups.
Descrição: Dissertação apresentado à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Atividade Física
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/5483
Designação: Mestrado em Atividade Física
Aparece nas colecções:ESECB - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese final formatada_.pdf2,02 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.