Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/5671
Título: A premência na formação ao longo da vida : um estudo sobre a aprendizagem das Tecnologias da Informação e da Comunicação em populações 50+
Outros títulos: The urgency of lifelong learning : a study on the learning of Information and Communication Technologies in populations 50+
Autor: Páscoa, Gina
Gil, Henrique
Palavras-chave: Envelhecimento
TIC
Bem-estar mental
Bem-estar social
Ageing
ICT
Mental well-being
Social well-being
Data: 2017
Editora: AISTI
Citação: PÁSCOA, Gina ; GIL, Henrique (2017) - A premência na formação ao longo da vida : um estudo sobre a aprendizagem das Tecnologias da Informação e da Comunicação em populações 50+. In Conferência Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação, 12, Lisboa, 21-24 de junho - Atas. Lisboa : AISTI. p. 838-843.
Resumo: O presente artigo visa abordar uma investigação de doutoramento realizada nas universidades seniores do distrito de Castelo Branco no ano letivo 2013/2014, que teve como principal objetivo identificar os fatores socioculturais que influenciam e condicionam a opção pela aprendizagem das TIC e conhecer os impactos desta aprendizagem no Bem-estar (mental e social) ao longo do processo de envelhecimento. Os dados foram recolhidos em 5 universidades seniores deste distrito através de um inquérito por questionário que envolveu 374 cidadãos (50 + anos) e de entrevistas a 5 Diretores, 5 Professores de TIC e 10 Participantes que já frequentaram uma formação em TIC nas respetivas universidades seniores. Os resultados permitiram verificar que a necessidade de comunicação, o combate ao isolamento são os principais fatores socioculturais que influenciaram a aprendizagem das TIC nestes participantes. O exercício da memória e das aptidões intelectuais, a participação e inclusão na sociedade digital e a diminuição da solidão foram os impactos no «Bem-estar mental» e no «Bem-estar social» mais evidenciados
— This article aims to address a doctoral research carried out in the senior universities of the district of Castelo Branco in the academic year 2013/2014, whose main objective was to identify the sociocultural factors that influence and condition the option to learn ICT and to know the impacts of this learning on well-being (mental and social) throughout the aging process. Data were collected at 5 senior universities in this district through a questionnaire survey involving 374 citizens (50+ years old) and from interviews to 5 Directors, 5 ICT Teachers and 10 Participants who have already attended ICT training in their respective universities. The results allowed us to verify that the need for communication, the fight against isolation are the main sociocultural factors that influenced the learning of ICT in these participants. The exercise of memory and intellectual skills, participation and inclusion in the digital society and the reduction of loneliness were the most evident impacts on the "mental well-being" and "social well-being"
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/5671
ISBN: 978-989-98434-7-9
Aparece nas colecções:ESECB - Comunicações em encontros científicos e técnicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A premência na formação.pdf654,44 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.