Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/6011
Título: Acesso aberto ao conhecimento no IPCB : o contributo do Repositório Científico
Autor: Rodrigues, M.E.P.
Palavras-chave: Acesso aberto ao conhecimento
Repositório científico
Data: 2017
Editora: IPCB
Citação: RODRIGUES, M.E.P. (217) - Acesso aberto ao conhecimento no IPCB : o contributo do Repositório Científico. Revista do Instituto Politécnico de Castelo Branco. ISSN 1647-9335. Ano 7, n.º 11. p. 62-67.
Resumo: O acesso livre ao conhecimento científico ganhou expressão e começou a despertar consciências no meio académico e científico, sobretudo, a partir do momento em que, nos anos 90 do século XX, Stevan Harnad e Jean-Claude Guédon publicaram os primeiros periódicos científicos em acesso livre (Melero e Abad Garcia, 2008), respetivamente “Psycology” e “Surfaces”. Estavam assim dados os primeiros passos para a implementação de uma filosofia de publicação em meio científico diversa da praticada até então, quer no modo de publicação, quer no respetivo alcance (Rodrigues, Rodrigues, 2014). Alguns autores consideram mesmo este evento como a mola impulsionadora do desenvolvimento do modelo de acesso aberto ao conhecimento científico que se veio a desenvolver subsequentemente (Melero e Abad Garcia, 2008). Por outro lado o advento da Internet com o consequente enorme e galopante desenvolvimento das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) deu o impulso que faltava para a concretização daquele que é vulgarmente conhecido como Movimento do Livre Acesso ao Conhecimento Científico. Para Rossini (2007) a Internet provocou uma alteração drástica na forma de produzir, difundir e obter acesso ao conhecimento científico dando ainda a possibilidade de avaliar os seus efeitos. Shearer (2003), Craig et al. (2007) e Meyer (2009) consideram mesmo que a Internet e as TIC deram um grande contributo para o progresso da ciência porque permitiram a rápida difusão do conhecimento e o acesso aberto à literatura científica. Na visão de Prosser (2005) o conhecimento constitui o elemento fundamental ao progresso da ciacompanhado de uma estratégia eficaz de comunicação dos resultados da investigação científica e tecnológica, sem a qual o mesmo se torna inútil ao propósito com que é desenvolvido. Aliás para autores como Harnad et al. (2008) o acesso livre ao conhecimento favorece, em todas as dimensões, o progresso da ciência na medida em que, através da partilha e transferência de conhecimento, promove e incrementa o potencial de utilização dos documentos com consequências positivas ao nível da reputação dos autores.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/6011
ISSN: 1647-9335
Aparece nas colecções:ESACB - Artigos em revistas sem arbitragem científica
IPCB - Revista do Instituto Politécnico de Castelo Branco

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Acesso aberto ao conhecimento no IPCB Repositório Científico.pdf2,49 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.