Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.11/4228
Título: Efeito da atividade físico-desportiva orientada sobre a aptidão física das crianças que frequentam o 1º Ciclo do Ensino Básico
Autor: Serrano, João
Petrica, João
Mesquita, Helena
Farinha, Victor
Palavras-chave: Motricidade infantil
Atividade física
Aptidão física
Data: 2015
Editora: UDESC
Citação: SERRANO, João [et al.] (2015) – Efeito da atividade físico-desportiva orientada sobre a aptidão física das crianças que frequentam o 1º Ciclo do Ensino Básico. In Nascimento, J. V. [et al.] (Orgs.) - Educação física e esporte : convergindo para novos caminhos. Florianópolis : UDESC. ISBN 978-85-8302-050-9. p. 169-190.
Resumo: O interesse dos investigadores sobre os níveis de aptidão física da população infanto-juvenil assenta, por um lado, na preocupação de melhor entender a sua relação com a saúde e bem-estar e, por outro, compreender a sua ligação com a performance desportiva-motora. Com o presente estudo pretendemos conhecer os níveis de aptidão física das crianças que frequentam o 1.º Ciclo do Ensino Básico na vila da Sertã, tendo em conta a variável género, e verificar o efeito da Atividade Físico-Desportiva Orientada inserida no Programa de Atividades de Enriquecimento Curricular (AECs) sobre a Aptidão Física dessas mesmas crianças. A amostra compreendeu 70 crianças (38 meninas e 32 rapazes). O instrumento usado no estudo para recolha dos resultados foi a bateria de testes Fitnessgram (2003). A comparação de médias em variáveis quantitativas medidas numa escala racional, foi realizada através da análise de variância de medidas repetidas. A comparação de proporções em variáveis qualitativas medidas numa escala nominal, foi realizada através do teste qui-quadrado e teste de McNemar. Os resultados demonstraram que os níveis de aptidão física das crianças são considerados satisfatórios pois na maioria das provas foram classificadas como aptas ou super-aptas. Os resultados demonstraram ainda que os meninos obtiveram, em cada um dos momentos de avaliação, melhores médias que as meninas à exceção das provas senta e alcança “direita” e “esquerda”. Em todas as provas houve uma melhoria significativa nos resultados quer dos meninos quer das meninas nos dois momentos de avaliação, à exceção das provas “senta e alcança” direita e esquerda, onde houve um decréscimo significativo entre os dois momentos. Os resultados demonstram, que o trabalho desenvolvido durante as atividades de enriquecimento curricular contribuíram favoravelmente para a melhoria obtida na maioria das provas de aptidão física entre o primeiro e o segundo momento de avaliação.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.11/4228
ISBN: 978-85-8302-050-9
Aparece nas colecções:ESECB - Livros ou capítulos de livros

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
efeito_da_atividade.pdf13,97 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.